Fim da URSS - Queda do Muro de Berlim - Questões de Vestibulares - Gabarito

1. (Fuvest) Nunca, na história contemporânea mundial, como nesta virada de século e de milênio, a propriedade privada dos meios de produção em geral e da terra em particular foi tão forte e os ideais coletivos tão enfraquecidos. Essa situação pode ser atribuída 
a) à vigência cada vez mais ampla dos Direitos Humanos e do multiculturalismo étnico. 
b) às exigências da divisão internacional do trabalho e ao avanço da democracia social. 
c) à imposição da política econômica keynesiana e à adoção da terceira via ou política do possível. 
d) à vitória do capitalismo na guerra fria sobre o chamado socialismo real e à crise das utopias. 
e) à força cada vez maior das religiões e das Igrejas, favoráveis, por princípio, ao individualismo. 

2. (Puccamp) "A abertura e depois a destruição do muro de Berlim e a reunificação acelerada imposta pelo chanceler Kohl foram surpreendentes: em apenas um ano resolveu-se a questão alemã (...). A experiência alemã também preocupa. Nas atuais circunstâncias, os riscos da reunificação se referem essencialmente à capacidade da Alemanha de superar a curto prazo o desnível entre as duas partes do país." 
No período imediatamente posterior a 1989, a Alemanha unificada enfrentou sérios desafios pois, 
a) o nível de desenvolvimento e prosperidade das partes integradas (ex-Alemanha Oriental e ex-Alemanha Ocidental) é bastante desigual. 
b) a pressão da maioria socialista tem colocado em risco a estabilidade política interna. 
c) a despeito da unificação política já ter se concretizado, ainda não se conseguiu fazer a reunificação monetária em função dos altos custos que isso implica. 
d) sem o apoio do movimento neonazista não poderá manter-se como a terceira economia mundial. 
e) os postos de trabalho nas estatais estão garantidos apenas para os alemães do lado oriental. 

3. (Uerj) TROPAS RUSSAS AVANÇAM NA CHECHÊNIA 
Tropas terrestres da Rússia começaram ontem a avançar sobre a Chechênia e ocuparam cinco pequenas cidades do Norte da república separatista. (...) 
Além da ofensiva militar, a Rússia ataca a Chechênia no terreno político. O primeiro ministro russo, Vladimir Putín, anunciou que não reconhecia mais a legitimidade do presidente checheno. 
("O Globo", 02/10/99) 
Os conflitos de caráter nacionalista que hoje se verificam no antiga URSS estão relacionados ao desmantelamento do antigo mundo comunista soviético. 
Um dos fatores que contribuiu para acelerar a crise da URSS foi: 
a) falta de apoio do Ocidente às mudanças de Mikhail Gorbachev 
b) implementação do indústria de bens de consumo por Boris Yeltsin 
c) tentativa do golpe militar conservador de 1991 contra Boris Yeltsin 
d) o processo de reformas políticas e econômicas de Mikhail Gorbachev 

4. (Uerj) "BÓSNIA-HERZEGOVINA, abril de 1992. Nessa ex-república iugoslava, que declarara sua independência em março de 1992, se travou nos três anos seguintes a mais sangrenta das recentes guerras balcânicas. Sérvios (cristãos ortodoxos) e croatas (católicos) lutaram para ampliar seus domínios, em detrimento dos muçulmanos bósnios. Uma das mais cruéis faces dessa guerra foi o implacável cerco sérvio à capital da Bósnia, Sarajevo. Franco-atiradores sérvios, postados nas montanhas em torno da cidade, alvejaram civis indefesos nas ruas." 
("O Globo", 02/04/2001.) 
O texto ressalta que a disputa nacionalista na ex-república da Iugoslávia apresenta o seguinte traço dominante: 
a) presença da questão religiosa nos conflitos regionais. 
b) predomínio de milícias no lugar de exércitos regulares. 
c) infiltração de grupos religiosos estrangeiros nos confrontos. 
d) participação da população civil nos enfrentamentos armados. 

5. (Ufmg) A Perestroika é entendida como um processo de transformação global do sistema socialista da antiga URSS. 
Considerando-se esse processo de transformação, é CORRETO afirmar que: 
a) a opção pela interdependência entre o aparelho do Estado e o aparelho partidário foi importante para o fim do autoritarismo vigente na esfera das instituições sociais e políticas. 
b) o incremento da indústria de armamentos, em razão da posição hegemônica da URSS na Guerra Fria, gerou recursos importantes para a implementação de novas estratégias econômicas. 
c) a Glasnost, como abertura democrática, abriu caminho para a reforma do Estado e para discussões ideológicas e assegurou transformações básicas na economia soviética. 
d) o crescimento da economia soviética nos anos 80 deste século, a taxas bastante elevadas, impulsionou o processo de transformação do sistema socialista na URSS. 

6. (Ufmg) O ano de 1989 representou o ápice da crise do socialismo real. 
Considerando-se os desdobramentos dos acontecimentos desse ano, é CORRETO afirmar que, 
a) na Alemanha, apesar da queda do Muro de Berlim, a reunificação foi adiada, em razão do enorme desequilíbrio econômico e social entre as regiões oriental e ocidental. 
b) na China, se iniciou um processo de reforma do Estado que possibilitou a democratização das estruturas de poder pela adoção do pluripartidarismo, de eleições livres e da abertura da imprensa. 
c) na Polônia, na Hungria, na Tchecoslováquia e na Romênia, os governos foram derrubados e reformas políticas e econômicas liberalizantes começaram a ser adotadas. 
d) na Tchecoslováquia, na Hungria e na Romênia, se iniciaram movimentos de reforma do Estado em direção à construção de um novo socialismo, mais humanista e pluralista. 

7. (Ufpe) Sobre as várias propostas de reformas na economia e na política, na antiga União Soviética, uma foi fundamental para mudanças radicais nessa sociedade. Quanto a isso, assinale a resposta correta. 
a) Gorbatchev, através do seu projeto de reformas para a União Soviética, a glasnost, conseguiu estabilizar a economia russa e democratizar as instituições. 
b) As reformas introduzidas na antiga União Soviética, por Boris Ieltsin, depois de eleito presidente da recém-criada Federação Russa em 1991, aceleram a transição do socialismo para o capitalismo. 
c) A crise social e econômica que atingiu a URSS, no final da década de 1980, é atribuída à competição militar com a China, sua arqui-rival, e à corrida espacial com a Europa. 
d) O principal fator que desencadeou o desmoronamento do Império Soviético foi o relaxamento do controle do Estado sobre a imprensa. 
e) É inegável que a falta de relacionamento político com o ocidente e a perestroika proposta por Gorbatchev foram fundamentais para que a Rússia mergulhasse na crise atual. 

8. (Ufrn) Em 1991, a guerra civil na República Federativa da Iugoslávia iniciou-se com alguns conflitos na Croácia e na Eslovênia. Em 1992, as lutas ocorreram na Bósnia-Herzegovina, estendendo-se até dezembro de 1995. Recentemente, elas atingiram a província de Kosovo, na República Sérvia. 
Para a ocorrência de todos esses conflitos, contribuiu o(a) 
a) colapso dos regimes socialistas no Leste Europeu, o que provocou abalos na unidade política das províncias balcânicas, criando condições para que emergissem as diferenças étnicas, culturais e religiosas. 
b) interferência das nações europeias participantes da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), para evitar que os conflitos locais da região balcânica tivessem o apoio dos países signatários do Pacto de Varsóvia. 
c) processo de globalização, que acelerou a modernização industrial dos países participantes da União Européia (UE), causando desemprego, o que poderia ser resolvido com o crescimento dos exércitos regulares. 
d) origem histórica dos povos eslavos, que buscavam uma forma de reconstruir o Império Otomano, desfeito autoritariamente pelo Acordo de Potsdam e pela Conferência de Yalta, após a Segunda Guerra Mundial. 

9. (Ufrn) O final do século XX assistiu à busca da independência, por parte de diferentes grupos étnicos. O fragmento a seguir trata da situação específica da Iugoslávia: 
Em 1990, os comunistas iugoslavos foram derrotados nas eleições gerais em quatro repúblicas da Iugoslávia, mas venceram na Sérvia (a mais poderosa delas) e em Montenegro, mantendo o controle político federal. Tal situação estimulou as lutas étnico-políticas e a ambição de independência das demais repúblicas (Eslovênia, Croácia, Bósnia-Herzegovina e Macedônia), desencadeando a guerra civil. 
VICENTINO, Cláudio; DORIGO, Gianpaolo. "História para o ensino médio". São Paulo: Scipione, 2001. p. 626. 

O processo vivido pela Iugoslávia é comum a outros países e tem como característica marcante: 
a) o desaparecimento das particularidades étnicas, em função da homogeneidade gerada pela unificação econômica dos países. 
b) o ressurgimento das identidades nacionais, as quais estimulam a luta dos povos pela autonomia e a busca da definição de seus territórios. 
c) a fusão política entre várias nações da Europa, que passaram a ser geridas por um único governo. 
d) a emergência do princípio da liberdade de mercado, que inspira os povos a se unirem em nações. 

10. (Unirio) A partir de 1989 com a queda do Muro de Berlim, instaurou-se um novo mundo baseado em novas relações econômicas e geopolíticas, que não mais trazia a marca da divisão leste-oeste e nem mais o velho confronto entre o bloco capitalista e o socialista. 
(VICENTINO, Cláudio. HISTÓRIA GERAL. São Paulo, Scipione, 1997, p.462) 
A globalização, mobilizada pela eliminação do obstáculo socialista representado pelo Muro de Berlim, passou a empreender novos estímulos como o(a): 
a) fechamento das fronteiras nacionais ao capital especulativo, o investimento maciço na indústria e a proteção do emprego. 
b) fortalecimento do "Estado de bem-estar", o desenvolvimento de políticas públicas e a intensificação de barreiras protecionistas. 
c) formação de blocos econômicos supra-nacionais, a busca do "Estado mínimo" e a eliminação dos protecionismos. 
d) formação de blocos regionais, a intensificação da produção industrial e uma forte barreira ao capital especulativo. 
e) criação de moeda única globalizada, o fortalecimento do padrão-ouro e a ampliação do papel do Estado protecionistas.

Compartilhe no Google Plus

Sobre Jarlison Augusto

Quer contribuir conosco? Envie-nos seu material!
    Comente com o Blogger
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Em breve, resposta.